17.5 C
Vila Nova de Gaia
Quinta-feira, Junho 17, 2021
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Pedro Abrunhosa na noite de Natal

Pedro Abrunhosa reserva um local muito especial no seu coração para Gaia, e é nos seus estúdios na freguesia de Canelas que o compositor e intérprete está a preparar um presente inesquecível para a noite de Natal.

No dia 24 de dezembro, às 22 horas, em exclusivo no website e Facebook da Câmara Municipal de Gaia, será transmitido um concerto especial e irrepetível por Pedro Abrunhosa e os Comité Caviar.

Com a pandemia de Covid-19 a trazer mudanças súbitas e de consequências dramáticas na produção e consumo de cultura, o Município de Gaia lançou o desafio a músicos e técnicos para repensarem os seus espetáculos, a fim de se adaptarem à grande e repentina alteração nos hábitos sociais, e que se fez sentir particularmente no setor cultural, tal como Pedro Abrunhosa explicou: “num ano atípico, no qual a casa foi o palco da vida, a reinvenção significou superação diária… fez-se da sala o palco e do sofá a primeira fila”. Ciclos como os «Concertos no Sítio Certo» ou os «Concertos em Família» transmitidos online obtiveram um enorme sucesso e permitiram amenizar os efeitos nefastos da pandemia na relação entre o criador e o seu público.

Pedro Abrunhosa, por sua vez, dispensa apresentações. É uma das maiores estrelas nacionais e um dos artistas mais queridos pelo grande público, tanto pela sua criatividade como pela sua atitude interventiva. Muitas das suas canções já fazem parte do repertório eterno da música portuguesa, entoadas por jovens de todas as idades. O seu intenso trabalho de estúdio é acompanhado por uma frenética agenda de concertos que só nos últimos tempos, por força da pandemia, refreou. Já estamos habituados à sua energia e irreverência, mas, neste Especial de Natal dedicado aos Gaienses, Pedro Abrunhosa, acompanhado pelo seu Comité Caviar, promete algo surpreendente.

Outras Notícias

Siga-nos

12,172FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Opinião

Bloco de Notas

Avenida da República

Resiliência

O Desapego

X