arquivoBienal de Arte de Gaia distinguiu artistas portugueses entre...

Bienal de Arte de Gaia distinguiu artistas portugueses entre 17 nacionalidades a concurso

-

- Advertisment -spot_img

A Bienal Internacional de Arte de Gaia premiou segunda-feira, no âmbito do concurso internacional, três artistas portugueses entre os mais de 200 de 17 nacionalidades, tendo atribuído o principal galardão à obra “Faith”, da artista plástica Lina Carvalho.

“Os prémios da Bienal, com o apoio das Câmaras Municipais de Vila Nova de Gaia e de Gondomar e das Águas de Gaia, são um momento muito importante de reconhecimento e de incentivo a artistas que veem o seu trabalho reconhecido e motivado, principalmente num ano em que a cultura atravessou momentos muito difíceis e com falta de apoios”, assinala o diretor da Bienal Internacional de Arte Gaia 2021, Agostinho Santos, citado num comunicado.

A edição de 2021 do concurso internacional contou com a participação de 212 artistas de 17 nacionalidades a concurso, “o que sublinha o alcance da mensagem que a Bienal de Causas tem propagado desde a sua génese”, acrescentou aquele responsável.

A artista plástica Lina Carvalho foi a vencedora do Grande Prémio da Bienal que, com o apoio da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, atribuiu o principal galardão à obra “Faith” (2020), com técnica mista sobre papel.

Já o Prémio de Escultura Zulmiro de Carvalho, apoiado pela Câmara Municipal de Gondomar, destacou Jorge Braga com a escultura em madeira “Humanidade” (2020), enquanto o Prémio Águas de Gaia elegeu Teresa Rodrigues e a pintura “Emergir” em acrílico sobre tela.

A cada um dos três vencedores foi atribuído um prémio monetário no valor de 5.000 euros.

A Bienal atribuiu ainda seis menções honrosas a Domingos Júnior com “Pandemia/pandemónio” (2021); Francisco Badilla com “A memória da luz” (2020); Jéssica Burrinha com “Sufoco” (2021); José João com “Arquivo em arruinamento” (2017/2018); Júlio Cunha com “A Julinha cor-de-rosa ou carta a Salazar” (2020) e Pedro Cunha com “Pedras no sapato nº2” (2020), com técnicas variadas a ser distinguidas.

Apoiada pela primeira vez pela Direção-Geral das Artes (DGArtes), a quarta edição da Bienal Internacional de Arte de Gaia, que arrancou a 17 de abril e se prolonga até 10 de julho, ocupa três pavilhões, num total de seis mil metros quadrados, na antiga fiação de Crestuma, em Lever, contando com 13 exposições e a participação de 500 artistas.

Já no resto do país, são oito os polos de exposição: Alfândega da Fé, Esposende, Funchal, Gondomar, Monção, Santa Marta de Penaguião, Viana do Castelo e Vila Flor.

Os homenageados desta edição são o artista plástico Albuquerque Mendes com a exposição antológica “Eu, Albuquerque Mendes – Obras na Coleção de Serralves”, com curadoria de Paula Pinto, bem como o escultor Paulo Neves, cuja curadoria da exposição antológica é assinada por Manuela Hobler.

O cartaz do evento inclui, ainda, debates, colóquios, ateliers, entre outras iniciativas culturais e recreativas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Latest news

AMP quer ‘plano B’ para transportes caso diferendo com Gondomar não se resolva

O presidente do Conselho Metropolitano do Porto (CmP) assegurou hoje que vai levar até “às últimas consequências o esforço...

Assistente administrativa detida por burla

A PSP deteve em Vila Nova de Gaia, uma assistente administrativa por alegada falta de pagamento de serviços prestados,...

Suldouro retoma este mês entrega de contentores para reciclagem em Gaia

A Suldouro, operadora de resíduos nos concelhos de Vila Nova de Gaia e Santa Maria da Feira, garantiu hoje...

Mulher morre atropelada por autocarro na N222 em Vilar de Andorinho

Uma mulher de cerca de 80 anos morreu hoje depois de ter sido atropelada por um autocarro em Vilar...
- Advertisement -spot_imgspot_img

Lançado concurso público de conceção e construção da nova ponte sobre o rio Douro

O concurso público de conceção e construção da nova ponte rodoviária sobre o Douro, que vai ligar o Porto...

Pontos essenciais das variantes classificadas de preocupação presentes em Portugal

Das centenas de mutações do SARS-CoV-2 detetadas durante a pandemia, a atenção das autoridades de saúde recai em quatro...

Must read

- Advertisement -spot_imgspot_img

You might also likeRELATED
Recommended to you