Bloco de Notas

Bloco de Notas

-

- Advertisment -spot_img

Salvador Santos

Agente Cultural

1. Vai nascer no próximo dia 15 de maio, em Gaia, uma nova associação que promete enriquecer ainda mais o mundo associativo gaiense, desde há muito reconhecido pela extraordinária dinâmica que imprime nos mais diversos domínios, tanto no campo social, como educativo, humanitário, recreativo, desportivo ou cultural. Esta nova associação vai nascer no centro histórico e tem como principais objetivos a criação de um Centro Interpretativo da Beira-Rio e um Centro Comunitário com uma forte componente cultural. Tivemos acesso ao anteprojeto cultural da associação, que se chamará COMBRIO-Comunidade da Beira Rio, e ficámos muito entusiasmados com o que lemos. Ora leiam também: a) O projeto cultural da COMBRIO privilegia a Arte como meio de intervenção social, adotando a “Arte Comunitária” como principal matéria de trabalho e tendo como objetivo primeiro o desenvolvimento humano e a valorização da comunidade local. b) A par da formação em artes performativas e criativas, tendo o teatro, a música, a dança, a escrita, o vídeo e as artes plásticas como base de aprendizagem, desenvolver-se-á um processo de produção de objetos artísticos com apresentação pública associada. c) As diversas fases da mostra destes objetos artísticos comunitários, produzidos em regime de formação contínua, integrarão um programa regular de eventos culturais protagonizados por cada um dos respetivos diretores-orientadores e seus convidados. d) Os eventos culturais serão de caráter multidisciplinar e promoverão um clima de troca de experiências, conhecimentos e partilha de memórias entre autóctones e visitantes. e) Os eventos fazem conviver, criativamente, através da programação, o multiculturalismo, a globalização, a identidade cultural e a cidadania. f) A programação incluirá uma gama variada de géneros, tendências e estilos, em que se faz conviver manifestações tradicionais de raiz com realizações de cunho experimental, tendo sempre como preocupação o estabelecimento de pontes com a comunidade local. g) A programação associará aos eventos culturais as mais diversas iniciativas teóricas voltadas para a formação de massa crítica, como conferências e debates, assumindo, com toda a clareza, a democratização da cultura como paradigma de desenvolvimento. h) O mesmo sucede com o nosso maior bem identitário – a língua portuguesa –, que terá um espaço próprio na programação, através da promoção do livro, da leitura e da escrita, que se constituirá como um módulo dinâmico de partilha, reflexão e discussão. i) A língua portuguesa tem ainda um papel fundamental no módulo da programação dedicado aos mais jovens, da pré-infância à infância, tendo como orientação três objetivos: a expressão da personalidade, a superação de bloqueios e o bem-estar pessoal. j) Os jovens e adolescentes terão também um módulo próprio na programação, onde se promoverá a convivência, a interação e a complementaridade das matérias curriculares do ensino com a fruição cultural, em articulação permanente com os agentes escolares. l) O módulo dedicado aos seniores procurará recuperar o sentimento de pertença e de identidade cultural, partilhando emoções e histórias com vista ao reforço dos laços comunitários e inter-relacionais, através de uma cidadania participativa e construtiva. m) Visando a fixação de público e a criação de hábitos de consumo de cultura, a programação será regular e continuada, ao mesmo tempo que procura romper com o antagonismo entre cultura popular e cultura de elite, entre cultura urbana e regional, entre vanguarda e tradição. Et Voilá!…

2. Representantes da COMBRIO reuniram recentemente com o presidente da Junta de Freguesia de Santa Marinha e São Pedro da Afurada visando a cedência, para sede daquela associação, do Espaço Zé da Micha, sobre o qual já tivemos oportunidade de sublinhar o estado de abandono a que tem sido votado. Na verdade, o que era suposto ser um espaço multidesportivo e de lazer, com uma forte componente social e cultural, mantém-se completamente subaproveitado, sem um pensamento, uma ideia, que dê corpo a um projeto digno da riqueza histórica que aquela zona da cidade encerra. E quando se esperava que a autarquia responsável pela gestão daquele espaço encarasse a possibilidade de um acordo de parceria que permitisse prosseguir ali um programa de atividades ambicioso a nível social e cultural, que vá ao encontro dos anseios e necessidades das gentes da Beira-Rio do centro histórico de Gaia e seja capaz de satisfazer os interesses lúdicos e culturais da população flutuante que demanda a estas paragens, tanto nacionais como estrangeiros, eis que recusou liminarmente qualquer hipótese de acordo. Decerto que a novel associação encontrará outro espaço onde possa desenvolver o seu meritório projeto. Entretanto, o Espaço Zé da Micha fica entregue à sua triste sorte, sem alma nem ambição, não cumprindo a missão que determinou a sua criação… nem abrindo as suas portas a um projeto inovador e inclusivo!

3. Nem tudo é negativo, triste, desolador e sem esperança no futuro próximo para os lados da beira-rio do centro histórico de Gaia. A Capela de Nossa Senhora da Piedade, cuja construção data do século XVII, vai ser objeto de restauro e requalificação. Ali vai nascer, por decisão da Câmara Municipal, um Centro Interpretativo de Arte Sacra, que reunirá grande parte do extenso e rico espólio da paróquia de Santa Marinha. Há muito que a Capela está devoluta, por apresentar graves patologias estruturais. E esta intervenção, para além de interromper um processo de degradação que pode por em causa a integridade deste edifício de grande valor histórico, devolve-o à cidade enriquecido por uma oferta cultural de relevo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Latest news

AMP quer ‘plano B’ para transportes caso diferendo com Gondomar não se resolva

O presidente do Conselho Metropolitano do Porto (CmP) assegurou hoje que vai levar até “às últimas consequências o esforço...

Assistente administrativa detida por burla

A PSP deteve em Vila Nova de Gaia, uma assistente administrativa por alegada falta de pagamento de serviços prestados,...

Suldouro retoma este mês entrega de contentores para reciclagem em Gaia

A Suldouro, operadora de resíduos nos concelhos de Vila Nova de Gaia e Santa Maria da Feira, garantiu hoje...

Mulher morre atropelada por autocarro na N222 em Vilar de Andorinho

Uma mulher de cerca de 80 anos morreu hoje depois de ter sido atropelada por um autocarro em Vilar...
- Advertisement -spot_imgspot_img

Lançado concurso público de conceção e construção da nova ponte sobre o rio Douro

O concurso público de conceção e construção da nova ponte rodoviária sobre o Douro, que vai ligar o Porto...

Pontos essenciais das variantes classificadas de preocupação presentes em Portugal

Das centenas de mutações do SARS-CoV-2 detetadas durante a pandemia, a atenção das autoridades de saúde recai em quatro...

Must read

- Advertisement -spot_imgspot_img

You might also likeRELATED
Recommended to you